Não foi um dia triste.
Quando fui embora
nenhuma hesitação caiu sobre a minha cabeça
nem sombra nem poeira nem barulho.
O teu pai perguntou que horas seriam
algum tempo depois.
Vieste comigo como uma música antiga
o som do vento entre os limites
agitando árvores
tombando ervas
erguendo levemente os teus cabelos.
Transpusemos todos os muros sujos da cidade.
Limpámos a cara do trabalho
no fim do mês as nossas contas estavam feitas.
Nenhuma vergonha firmará o presente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s